Oferta Formativa 2017/2018

Ensino Básico ( Ensino regular / Ensino Especializado de Música / Dança)

Ensino Secundário (Cursos Científico-Humanísticos):

    • Curso de Línguas e Humanidades
    • Curso de Ciências e Tecnologias
    • Curso de Ciências Socioeconómicas

Simulacro de Incêndio

Ocorreu no dia de 30 abril, pelas 10h35m, um simulacro de incêndio na Escola Básica e Secundária de Escariz.
A realização deste exercício teve a colaboração direta de várias entidades de segurança tais como: Bombeiros Voluntários de Arouca, Bombeiros Voluntários de Fajões, GNR, Proteção Civil e INEM.

O exercício principiou na sala 13, laboratório de biologia, situado no bloco principal, onde deflagrou o suposto incêndio provocado pela reação de uma experiência, no âmbito da disciplina de Ciências Físico-químicas. No sentido de tornar a prática mais credível, foi produzido fumo de forma a aparentar o incêndio e a melhor camuflar as vítimas.

Em função da ocorrência e como forma de prevenção, foi necessário evacuar imediatamente todo o edifício sede, o ginásio e o bloco exterior, ao mesmo tempo que as entidades para o combate a incêndio, prestação de socorro e transporte de vítimas foram alertadas.

Em consequência do incêndio, cinco alunos e uma professora ficaram isolados na referida sala e impedidos de sair. Para os libertar os bombeiros tiveram de montar um mecanismo com escadas, cordas, cadeira, roldanas e arnês, o que lhes permitiu entrar pela janela. Durante o resgate, os bombeiros utilizaram adequadamente máscara de oxigénio e fizeram sair pela janela, uma de cada vez, com calma e em segurança, todas as vítimas.

Os feridos foram prontamente atendidos pelos elementos do INEM: um sofrera queimaduras com alguma gravidade, dois mostravam indícios de intoxicação e os restantes apresentavam dificuldades respiratórias. Acrescente-se ainda que, durante a evacuação, uma aluna sofreu uma queda, provocando perda imediata de sentidos. Também esta vítima foi prontamente assistida.

Fita de Tempo

Às 10h35m, foi detetada a situação de Incêndio e Emergência numa sala de aula, e prontamente comunicada ao Responsável de Segurança da Escola que de imediato ativou o Plano de Emergência.

 

Num tempo inferior a quatro minutos a seguir ao sinal de alarme, toda a comunidade educativa estava concentrada no Ponto de Encontro. Foram automaticamente ativadas as diferentes equipas de intervenção da estrutura interna de segurança (equipas de: alarme, alerta, 1.ª intervenção, corte de energia, corte de gás, evacuação, concentração e controlo, vigilância e informação / comunicação social).

Simultaneamente a equipa de alerta contactou os Bombeiros de Arouca, Bombeiros de Fajões e GNR que, face à descrição da emergência pela equipa de alerta, mobilizaram para o local meios humanos e materiais necessários. Seis minutos após ter soado o alarme, às 10h42m, os Bombeiros de Fajões apresentavam-se à entrada da escola onde a equipa de informação e vigilância os aguardava para fornecimento das informações necessárias. Já no local do sinistro, os Bombeiros avaliaram a situação, garantiram as condições de segurança para o decurso das operações de busca, salvamento e combate a incêndio. Ao mesmo tempo, chegou a equipa da GNR que procedeu de imediato ao controlo do trânsito, nas imediações da escola. Após avaliação, os Bombeiros concluíram que havia necessidade de pedir apoio ao INEM de forma a serem mobilizados mais meios humanos e materiais para o salvamento e transporte das vítimas ao hospital.

Às 10h45m, chegaram ao local os Bombeiros Voluntários de Arouca que, em conjunto com os Bombeiros de Fajões, procederam a todas as manobras de salvamento. Passados dois minutos, às 10h47m, chegou o INEM de Arouca.
Cinquenta e oito minutos após ter soado o alarme foi dado por terminado o exercício e solicitado, pelo Diretor da Escola, que todas as atividades regressassem à normalidade.

Durante o simulacro estiveram estrategicamente distribuídas equipas de observadores de forma a serem efetuados registos dos acontecimentos.

A equipa da escola responsável pelo Plano de Emergência irá reunir de forma a serem discutidas e sinalizadas algumas não conformidades e serem feitas propostas de melhoria.

Este Simulacro permitiu mais uma vez a preparação da comunidade escolar no sentido da criação e automatização de medidas/reflexos preventivos de autoproteção e o treino / a coordenação do Plano de Emergência a nível escolar.

Agradecimentos especiais, pela colaboração e dinamização direta durante Simulacro:

- às equipas dos Bombeiros Voluntários de Arouca, Bombeiros Voluntários de Fajões, INEM de Arouca, GNR e Proteção Civil de Arouca;

- às professoras Fátima Avó e Sara Carrapato;

- e ainda à turma do 9.ºB.


 

office365 

sige
1
qrcode escola
ementas e

secret virt

ajuda
provas 2015
 min edu
 dren
 logo
logo ae 17
escola segura net
Pordata

Quem está em linha...

Temos 43 visitantes e sem membros em linha

Free business joomla templates